>Queijo não fez com que o governo se esquecesse de Daniel Campelo

>

Obra gamada aqui

O antigo deputado do CDS-PP Daniel Campelo vai assumir a secretaria de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural.

Engenheiro agrónomo, presidiu aos destinos do município de Ponte de Lima durante 16 anos, mas foi no Parlamento que ganhou notoriedade depois de viabilizar, em 2000 e 2001, o Orçamento do Estado do Governo socialista de António Guterres, ao votar favoravelmente em troca de investimentos no distrito de Viana do Castelo e no seu concelho, com destaque para uma fábrica de queijo, como compensação pela saída da unidade do Queijo Limiano para Vale de Cambra.

Daniel Campelo foi suspenso da militância do CDS, durante mais de três anos, mas em 2005 o partido voltou a convidá-lo para se candidatar à câmara de Ponte de Lima, um mandato que ganhou e exerceu até 2009. Em Fevereiro deste ano substituiu Abel Baptista na liderança da distrital do CDS de Viana do Castelo.

Gamado aqui

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: