Festival Aério RedBurros em Mogadouro

O festival RedBurros Fly-In regressa aos céus de Mogadouro no próximo dia 30 de Julho.

Após o sucesso da primeira edição, que mobilizou milhares de pessoas, o Município de Mogadouro avança novamente este ano com o festival aéreo, ao qual acrescenta algumas novidades, entre as quais a participação da primeira piloto feminina nas exibições aéreas e a possibilidade do público em geral poder experimentar de forma gratuita os planadores, na semana em que o RedBurros decorre.

O evento, de entrada livre, realiza-se no Aeródromo Municipal de Mogadouro e tem como principais atracções a presença de patrulhas acrobáticas, como a Citabria Fly for Fun, os SmokeWings e os Aerobática (Garção), espectáculos de demonstração de voo de planadores assim como a presença de aeronaves de vários aeroclubes nacionais. A mais nova mulher do mundo a fazer acrobacia aérea, Diana Gomes da Silva cruzará também os céus do planalto transmontano num espectáculo que promete deixar o público de olhos no ar.

O festival aéreo «destina-se a todos aqueles que gostam de voar, seja em aviões, planadores, asa delta, helicópteros, parapente e a todos aqueles que gostam de apreciar um espectáculo que não é usual em Trás-os-Montes, mas que é de uma beleza incalculável», acrescentou o autarca João Henriques.

«Este ano e devido às contenções orçamentais, não estarão presentes meios aéreos da Marinha e da Força Área Portuguesa, à semelhança do ano passado», lamentou João Henriques.

Do programa de actividades, no dia 30 Julho, constam ainda passeios de burros para os mais pequenos, exposições de “máquinas voadoras” e a presença de simuladores de voo, onde o público pode experimentar a sensação de voar.

«Na semana que antecede o festival, a pista do aeródromo está aberta, sem excepção, a todos os praticantes de voo à vela, disponibilizado a organização para o efeito um avião rebocador», frisou o mentor da iniciativa.

O AMM é composto por uma pista asfaltada com 1.275 metros de comprimento, hangar e bloco técnico. Tem um espaço aéreo ilimitado e uma área reservada de 20 milhas náuticas (37 quilómetros).

As correntes térmicas da região onde o equipamento aéreo está instalado são apreciadas pelos pilotos e só comparadas com estrutura idêntica situada em Fuentes de Millano (Espanha).

Gamado, aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: