Archive for the ‘Parece mentira’ Category

>Assembleia da República vai ter horta partidária

>

Os partidos políticos com assento parlamentar decidiram por unanimidade aproveitar o espaço de relva frontal à assembleia da república para fazer uma horta partidária.

O entendimento em relação à divisão de parcelas para cultivo não foi consensual visto que o PS propôs uma permuta com o PCP no sentido de ser o PCP a cultivar as parcelas correspondentes aos dois partidos, que assim seria a parcela maioritária, dividindo depois os produtos agrícolas cultivados proporcionalmente.

Jerónimo de Sousa acusou o PS de tentar subjugar o PCP obrigando-o a dar a mão-de-obra ao passo que o PS se comportaria como um qualquer proprietário monárquico de direita (se é que isso é possível). O CDS-PP tentou uma abordagem de cultivo conjunto com o PSD mas Passos Coelho afirmou ser ainda cedo para tirar conclusões, ficando a aguardar pela decisão de Cavaco Silva sobre se vai participar no cultivo da parcela laranja com produtos tipicamente algarvios ou outros que sejam bons para fazer bolo-rei.

Apesar de tudo foi lavrada uma acta com as decisões finais. Paulo Portas ficou responsável pela floricultura, à excepção dos cravos e rosas. Passo Coelho ficou como guardião das laranjeiras tentando garantir que não apodrecem. Jerónimo de Sousa ficou incumbido de ceifar todo o pasto das várias parcelas. Heloísa Apolónia assume a função de fiscalizar se todos os produtos cultivados respeitam as questões ambientais e os processos de agricultura biológica e Francisco Louça deu já entrada de uma candidatura a fundos comunitários para a plantação de cânhamo. Sóctrates foi pedir ajuda à FAO.

>Cerâmica das Caldas encerra Festival de Chocolate (Óbidos)

>

O Festival de Chocolate está a terminar, e parece que o melhor ficou para o fim. É hoje apresentado “o dito cujo”, ou “o maior”, em Óbidos, consistindo na apresentação e degustação de falos de chocolate, de vários tamanhos e consistências.

>Paulo Futre vai dedicar-se à pesca de chop suey de vaca

>

O antigo jogador da selecção nacional portuguesa, Paulo Futre, mais conhecido pelo “gajo que nasceu com braços”, está a preparar um grande investimento no sector das pescas. Segundo uma fonte próxima do agora potencial futuro dirigente desportivo que preferiu manter o anonimato e que se chama Dias Ferreira, Paulo Futre já dedcidiu investir em sponsors para depois vir charters que vão trazer dinheiro para adquirir uma frota de barcos para pesca exclusiva de chop suey de vaca.

Segundo a mesma fonte, Paulo Futre irá ganhar comissões sobre a encomenda de barcos mas também sobre os charters que todos as semanas vão trazer seiscentas pessoas por semana. Também irá receber comissões dos hotéis, de todos os chop sueys de vaca que conseguir pescar em território português, e do museu do chop suey de vaca que ele próprio vai fundar no Porto Alto. Paulo Futre pretende adquirir 19 barcos mais 1.

A referência ao território português nas palavras de Paulo Futre é literal visto que estes 19 + 1 barcos serão os únicos em todo o mundo a poder fazer pesca terrestre. Mas Futre não está sozinho neste aventura. Futre vai ter um sócio. Trata-se de um jornalista que esteve presente na apresentação do projecto de Futre para o Sportém e que, segundo Paulo Futre, só tem um defeito. Desconcentra-o.

Os 19 + 1 barcos que Futre pretende adquirir são do fabricante Porsche e irão ser amarelos porque o Pinto da Costa diz que são bonitos. Os 19 são barcos para pesca de chop suey de vaca e o outro barco é para pescar chop suey de vaca vegetariano, ou seja, é um barco que só vai pescar chop suey de vacas alimentadas a vegetais.

>Lojas gourmet vão deixar de vender "gato por lebre"

>

A ANEDOTA (Associação Nacional Economicista Detentora da Oportunidade de Trafulhar as Actividades Tradicionais), informou em comunicado de imprensa que vai criar uma entidade fiscalizadora que, para além de receber dinheiro “por fora”, “pela porta do cavalo” e “por baixo da mesa”, também ficará responsável por garantir que os consumidores quando pagam “um balúrdio” por uma suposta compota gourmet de alta qualidade, não estão apenas a adquirir um produto da treta que não vale mais que “o cu e oito tostões”.

Asseguradas estão já as instalações desta entidade fiscalizadora. António Costa, presidente da câmara municipal de Lisboa, disponibilizou um gabinete novo junto ao que vai ocupar no largo do Intendente.

O autarca tomou esta decisão por considerar que no Intendente há demasiada oferta de prostituição e estupefacientes para um só ocupante e assim “com a malta da ficalização gourmet, sempre nos fazem um desconto…é o resultado da crise! Temos que arranjar maneira de poupar. Já que não nos deixaram adjudicar obras sem abrir concurso, temos que arranjar formas de poupar.

>UE financia aquisição de jipes e casas no Algarve

>

A União Europeia (UE) anunciou hoje a abertura para Portugal do período de candidatura ao financiamento da aquisição de jipes e casas no Algarve.

Segundo o que “O Melhor de Portugal está aqui!” conseguiu apurar, a UE, tendo em conta os bons resultados obtidos em Portugal durante a década de oitenta, decidiu financiar a fundo perdido a aquisição de jipes, casas no Algarve com o objectivo de revitalizar a economia nacional tal como aconteceu nos anos seguintes à entrada do FMI em Portugal nos anos oitenta.

O Ministro da Economia mostrou estar satisfeito por esta iniciativa europeia garantindo que já recebeu cerca de quatrocentas candidaturas de amigos e familiares que assim vêem concretizado o sonho de uma vida.

O Governo alertou para a necessidade de criar uma entidade fiscalizadora que possa assegurar que as candidaturas aprovadas não vão desperdiçar o dinheiro em infraestruturas que criem emprego ou na modernização de empresas.

Segundo fonte do Governo, será também criada uma fundação que irá apoiar os promotores das candidaturas no sentido de optimizar as casas no Algarve e os jipes a adquirir. Esta fundação irá ficar responsável pela organização de falsos fins-de-semana de negócios e falsas caçadas para que os promotores e proprietários das casas no Algarve e jipes abrangidos pelo financiamento europeu, possam gastar o dinheiro que restar nos bares de alterne junto à fronteira com Espanha.

>Governo anuncia emagrecimento com vista à revitalização do sector agrícola

>

O Governo liderado pelo Primeiro-Ministro demissionário prepara-se para anunciar algumas medidas de fundo que visam revitalizar o sector agrícola português em quinze dias.

Fonte do ministério da agricultura adiantou ao “Melhor de Portugal” do pacote de medidas a anunciar está o emagrecimento dos recursos humanos no ministério da agricultura.

Para que esse emagrecimento se concretize o Governo português estabeleceu já uma parceria com a Danone, responsável pelo “plano Activia 15 dias”, e com a Herbalife que irá implementar um plano de emagrecimento dos recursos humanos ligados ao ministério da agricultura.

Adjudicada está também uma jantarada orçada em 30 milhões de euros, com “tudo o que é bom e bonito”, de forma a sensibilizar os funcionários do ministério para o problema da obesidade.

Passados os quinze dias da aplicação das medidas governamentais irão ser distribuídos aos agricultores portugueses 30 mil exemplares de bebidas lácteas com bifidus activo, bifidus actiregularis e el casey imunitass, assim como águas com gás, lamelas de gurosan, uma corda e uma arma carregada que inclui uma licença de porte de arma temporária e exclusiva para utilização em suicídios.

Assim, o Governo português irá contribuir para acabar com este flagelo que é o sector agrícola português.

>Líbia: Turismo de Portugal acusa MNE

>

O Ministério dos Negócios Estrangeiros prejudicou deliberadamente o turismo na forma como conduziu o caso Kadafi, acusou hoje fonte ligada ao Turismo de Portugal.
“O voto pelas sanções contra Kadafi no Conselho de Segurança das Nações Unidas e o apoio dado à causa dos rebeldes inviabiliza qualquer possibilidade de acolher turistas do segmento ultra-premium. Quando Kadafi e a sua camarilha saírem da Líbia, carregando as suas dezenas de milhões de dólares, optarão por outro destino turístico mais atractivo, como a Venezuela ou o Irão”, acrescentou.
“O País tem estado pacientemente a desenvolver uma estratégia no sentido de acolher bandidos de primeira classe, com óbvios benefícios para a economia local, como se viu com a presença da ETA e da Máfia no Oeste, prejudicados na ocasião pela acção da PJ. Se não remarmos todos para o mesmo lado e não congregarmos esforços, isto vai tudo no c******”, concluiu.